quarenta e quatro

foi embora aos 44.
numa noite fria que mudou
tantas vidas
pra sempre.

eu tinha só 5.
não sabia tudo que queria te perguntar.
perdi uma das mulheres
da minha vida.
tem muito que eu queria te perguntar.

sometimes I wonder
wish
hope
“watch me”.

foi injusto e ainda dói.
dói muito a falta do cheiro do cigarro,
dos gatos,
das janelas baixas que pulei,
das tuas roupas brilhantes que vesti,
da tua sabedoria que não aproveitei.

aos 44.
saindo de uma pista de dança.
foi bailar pra sempre
na beirada da galáxia
mais cintilante
do que o próprio cosmo.

 

Fiz esse poema pra minha avó, que partiu muito cedo. Sinto muito a falta dela.

Um comentário em “quarenta e quatro

  1. Muito linda essa história.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close