Bleach é a forma adequada de se fazer um live-action

O anúncio do live-action do anime ‘Bleach’ foi um divisor de águas para os fãs. É compreensível, uma vez que muitas das diversas tentativas de adaptar produções japonesas para este tipo de filme tenha certa probabilidade para um desempenho ruim. Contudo, a produção da Netflix acertou no que pode ser chamado de um live-action adequado.

‘Bleach’ conta a história de Ichigo Kurosaki, um jovem estudante com a habilidade de ver fantasmas. Após um incidente envolvendo sua família em um ataque de Hollow (alma perdida), Kurosaki torna-se um Shinigami (condutor de almas para o outro mundo) com o intuito de proteger os inocentes e auxiliar os espíritos na busca por paz.

A trama se desenvolve de forma simples e objetiva: o roteiro de Daisuke Habara se adapta à imensa quantidade de informações do anime homônimo, focando a trama do live-action nos pontos mais importantes. Esta redução de conteúdo é o que faz o filme funcionar. Dessa forma, a história é atraente não só para os fãs mais antigos do anime, como também para os novos. Por outro lado, a trama corta alguns elementos sutis e importantes para a história, o que causa um certo incômodo.

O desempenho do elenco é bastante agradável, uma vez que se assemelham aos seus respectivos personagens pela essência de sua atuação e os figurinos utilizados. Outro elemento importante é o design dado aos Hollows, que são apresentados de uma forma que funciona bem com o cenário.

De forma geral, ‘Bleach’ consegue cumprir seu papel e pode ser considerado um dos melhores live-actions lançados, oferecendo uma nova oportunidade para a imersão dentro deste universo cheio de guerreiros, fantasmas, e claro, uma boa história. Com um enredo balanceado, deve agradar o público de todas as idades.

CLASSIFICAÇÃO 4


FICHA TÉCNICA
Bleach – ブリーチ
Data de lançamento: 14 de setembro de 2018
Direção: Shinsuke Sato
Duração: 1h 48m
Sinopse: Kurosaki Ichigo é um garoto de 15 anos que pode ver, tocar e falar com espíritos de pessoas mortas. Até que um dia ele encontra Kuchiki Rukia, uma Shinigami (deus da morte), e descobre posteriormente que também é um Shinigami. Agora, com seus poderes, ele terá que proteger sua cidade de forças do mal.

 

Foto: Divulgação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close